Traficante Elias Maluco é encontrado morto em presídio federal

Considerado um dos principais traficantes de drogas do Rio de Janeiro, Elias Pereira da Silva, conhecido como Elias Maluco, foi encontrado morto hoje na Penitenciária Federal em Catanduvas, região oeste do Paraná. O UOL apurou que o corpo foi encontrado com sinais de enforcamento.

Elias Maluco foi preso em setembro de 2002 e, em 2005, foi condenado a 28 anos e seis meses de prisão pela morte do jornalista Tim Lopes.

Em 2013, foi sentenciado a mais 10 anos, sete meses e 15 dias de prisão, desta vez pelo crime de lavagem de dinheiro. A mulher e a sogra dele também foram condenadas pelo mesmo crime.

Desde então, Elias Maluco ficou em presídios federais de segurança máxima.

A informação foi confirmada pelo Depen (Departamento Penitenciário Nacional). Segundo o órgão, o local da morte de Elias passará por perícia da Polícia Federal.

“A família foi comunicada pelo Serviço Social da unidade. O Depen informa, ainda, que preza pelo irrestrito cumprimento da Lei de Execução Penal e que todas as assistências previstas no normativo são garantidas aos privados de liberdade que se encontram custodiados no Sistema Penitenciário Federal”, diz a nota divulgada pelo departamento.