RN Chega Junto entrega mais de mil cestas básicas em 5 municípios do Seridó

O Governo do Estado conclui nesta sexta-feira, dia 9 de outubro, na região do Seridó, a primeira fase de entregas de cestas básicas a 20 mil famílias pelo Programa RN Chega Junto executado pela Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), em parceria com a Controladoria Geral do Estado, Secretaria de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf), Defesa Civil do RN e Cruz Vermelha.

Doze entidades de cinco municípios do Seridó vão receber, no total, 1.164 cestas básicas para distribuição com famílias que tiveram sua situação de vulnerabilidade agravada pela pandemia do novo coronavírus.

Nesta quinta-feira (8), cinco entidades de Currais Novos vão receber 467 cestas básicas e três de Parelhas, 285 kits. Sexta-feira (9)  serão entregues 162 kits de alimentos a duas entidades de Equador, 100 cestas a uma entidade de Carnaúba dos Dantas, e 150 a uma de Jucurutu.

Segundo a secretária da Sethas, Iris Oliveira, a segurança alimentar faz parte do conjunto de seis ações do Programa RN Chega Junto que até dezembro vai fazer entregas de 60 mil cestas básicas. As 20 mil da primeira fase são para atender 126 entidades de 31 municípios que não haviam recebido os kits do Programa RN+ Unido que já foi encerrado.

O Governo do Estado investe na aquisição de kits de alimentação, R$ 4.062.000,00 (quatro milhões, sessenta e dois mil reais). Desse total, R$1.542.000,00 (um milhão, quinhentos e quarenta e dois mil reais) são para a compra de cestas da agricultura familiar  e R$ 2.520.000,00 (dois milhões, quinhentos e vinte mil reais) de cestas comerciais.

É a primeira vez na história do RN que a cadeia produtiva da farinha e da goma, ligadas diretamente à agricultura familiar, é beneficiada pelo maior programa de compras do Brasil, o Pecafes (Programa Estadual de Compras Governamentais da Agricultura Familiar e Economia Solidária).

As 20 mil cestas básicas contêm 315 mil kg de produtos da agricultura familiar: 120 mil kg de farinha de mandioca; 60 mil kg de arroz vermelho; 60 mil kg de feijão macassar; 60 mil kg de goma fresca para tapioca; 15 mil kg de café em pó almofada.

O kit da agricultura familiar contém produtos com origem das regiões  Agreste (farinha e goma), Apodi (arroz vermelho) e Potengi (feijão macassar). Esses alimentos foram comprados de Cooperativas da Unicafes (União Nacional das Cooperativas de Agricultura Familiar e Economia Solidária) no RN que reúne  12 cooperativas e mais de 1.500 famílias no Estado.