Procuradores da Lava Jato não respeitaram legitimidade do Parlamento, diz Maia

Em sua entrevista ao UOL, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse que Sergio Moro tem uma visão distorcida do Congresso.

“Ele achou que podia marcar a data da votação do projeto [anticrime] e como o projeto iria tramitar.”

O presidente da Câmara afirmou ainda que Moro e os procuradores da Lava Jato não respeitaram a legitimidade do Congresso.