Obras de 4 mil unidades do Minha Casa Minha Vida estão paradas no RN

A edificação de cerca de 4 mil unidades habitacionais integrantes do programa Minha Casa Minha Vida no Rio Grande do norte está paralisada ou com cronograma de obras em atraso devido a problemas econômico-financeiros das construtoras credenciadas ao programa ou a embates judiciais com a Caixa Econômica Federal. Isso representa cerca de 40% dos imóveis contratados pelo banco no estado e que estão obras financiadas por famílias com renda entre R$ 2,6 mil e R$ 9 mil.

Os canteiros de obras paradas estão principalmente em Parnamirim e Mossoró. Porém, outras cidades da região metropolitana, como São Gonçalo do Amarante, também tem canteiros sem prazo para conclusão. Somente em Natal, são mais de 600 imóveis que estão com os serviços suspensos e se depreciando com a ação do tempo.
 
Por Tribuna do Norte