Polícia prende suspeito de participação na morte de Dinobergh

A Polícia Civil prendeu, nessa quinta-feira (16), um homem suspeito de ter participado da morte do empresário Dinobergh de Moura Almeida (na foto), de 36 anos. Ele foi assassinado quando defendeu a mãe dele de um assalto em Caicó, no Seridó potiguar.

De acordo com Leonardo Germano, delegado de Caicó, o suspeito teria dado apoio logístico aos bandidos que praticaram o crime contra Dinobergh. Com o homem identificado como Breno Ramon da Silva, foram encontrados materiais que podem ter sido usados no assassinato do empresário.

“Não há como afirmar que esses instrumentos foram usados, mas há a grande possibilidade”, destacou Germano em entrevista à imprensa local.

Breno da Silva foi preso durante uma operação de combate ao tráfico de drogas em Caicó.