Uso indevido de dados do Facebook pode ter afetado 443 mil no Brasil

O Facebook informou nesta quarta-feira quantos usuários, por país, podem ter sofrido com o uso indevido de dados pela Cambridge Analytica. Ao todo, segundo a rede social, 87 milhões em todo o mundo podem ter tido suas informações compartilhadas pela consultoria de marketing político, sendo 70 milhões nos Estados Unidos. No Brasil, segundo nota publicada pelo Facebook em sua página na internet, este número foi de 443 mil.

Após os Estados Unidos, o país com maior número de usuários expostos é a Filipinas: 1,17 milhão. Em seguida, vem a Indonésia (1,09 milhão) e o Reino Unido (1,08 milhão). O Brasil é o oitavo na lista com maior número de usuários cujos dados podem ter sido usados.