MP é acionado para investigar supostas ameaças de morte à Fátima Bezerra, após novo decreto


A deputada federal Natália Bonavides (PT/RN) acionou na última quarta-feira (17) o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MP/RN) para que investigue as ameaças feitas à governadora Fátima Bezerra (PT/RN) após o endurecimento das medidas de combate à pandemia.

Não vamos tolerar ameaças criminosas contra nossa governadora. O novo decreto do Governo do Estado visa combater a pandemia e salvar vidas. As pessoas que estão atacando a governadora com ameaças de morte precisam responder por tais atos, é inaceitável que esses ataques continuem”, destacou Bonavides.

No dia 17 de março de 2021, diante de notícias de que o Governo do Estado do Rio Grande do Norte adotaria medidas mais restritivas à circulação de pessoas, foram divulgadas imagens de um grupo de WhatsApp com mensagens de ameaça à integridade física e à vida da governadora Fátima Bezerra. Com base nessas conversas, a parlamentar fundamentou a ação e solicita “que sejam executadas as condutas necessárias para a responsabilização dos autores do ilícito penal”.

Justiça Potiguar