Mossoró registra três mortes violentas entre a noite de terça e manhã de quarta

Com um corpo carbonizado entrado na manhã desta quarta-feira, 13, em uma estrada carroçável as margens da BR 405, entre as comunidades de Pedra Branca e Jucuri, Mossoró chega a 178 mortes violentas em 2019, sendo que as três últimas ocorreram entre a noite desta terça-feira, 12, e as primeiras horas de quarta.

A polícia acredita que este corpo pode ser de uma pessoa morta por um grupo que trocou tiros com policiais militares ontem à noite na Rua João Damásio, no bairro Belo Horizonte. Os suspeitos estavam em um Fiat Uno, com queixa de roubo.

A troca de tiros resultou na morte de um dos suspeitos identificado como Luiz Eduardo Dias de Souza. Uma guarnição que fazia patrulhamento na área cruzou com o trio e deu ordem de parada. Os três não obedeceram e começaram a efetuar disparos de arma de fogo contra os policiais. Os policiais desconfiaram do sangue no porta malas do carro, o que levaria a crer que teriam assassinado uma pessoa e desovado o corpo.