Mandetta previu 60 mil óbitos em julho e Osmar Terra que “seriam 1000”

Luiz Henrique Mandetta previu que o Brasil chegaria em julho com 60 mil mortes por Covid-19.

Em entrevista à Veja, ele disse que avisou Jair Bolsonaro:

“Tudo foi dito ao presidente, mas ele começou a se assessorar de pessoas externas, que falavam exatamente o que ele queria ouvir. Teve um ex-deputado que falou que seriam 1 000 óbitos.”

A revista perguntou se ele se referia a Osmar Terra.

Ele respondeu:

“É, o Osmar era quem mais capitaneava essa tese. Lembro de dizer que quem fizesse previsão dessa doença com base em outras epidemias iria quebrar a cara. E quebrou.”