Justiça Eleitoral incentiva idosos a votarem nas primeiras horas do dia

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) está incentivando os idosos para votarem nas primeiras horas da manhã nas Eleições Municipais de 2020, cujo primeiro turno está marcado para o dia 15 de novembro. O período de início da votação (7h às 10h) está reservado preferencialmente para as pessoas acima de 60 anos, com o objetivo de proporcionar um atendimento diferenciado a esse grupo etário diante do cenário da pandemia.

No entanto, idosos que não desejem votar nesse horário, poderão comparecer em qualquer outro momento até o final da votação, às 17h.

A medida foi definida pelo presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso. De acordo com o Coordenador das Eleições do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN), o horário reservado (7h às 10h) não é uma regra, mas sim uma proposta para que se dê a oportunidade para os idosos votarem com mais tranquilidade diante de um cenário atípico no qual estamos vivendo.

É importante ressaltar que as pessoas com mais de 60 anos também não irão votar apenas no horário preferencial. Elas têm todo o período da votação (7h às 17h) para exercerem seu direito de voto. Nós disponibilizamos esse horário para que possamos distribuir as pessoas e não causar aglomerações durante o dia da eleição”, afirma o Coordenador das Eleições do TRE-RN, Tyronne Dantas de Medeiros.

A medida foi definida com base nas estatísticas do TSE, nas quais os idosos buscam, preferencialmente, o horário da manhã para exercer seu direito de voto. Para evitar aglomeração e como medida de prevenção ao novo coronavírus, a Justiça Eleitoral pede que os eleitores de outras faixas etárias procurem comparecer aos locais de votação em outros horários.