Vereador é preso por fazer "gato" na água

Na manhã de ontem terça-feira, uma operação da polícia militar de Apodi comandada pelo capitão PM Brilhante com o apoio de técnicos da Caern realizaram uma operçaão na zona rural do município para combater o "gato" na tubulação que estava sendo furada e foram presas três pessoas, entre as quais o vereador Arnaldo Costa.

Durante a operação,foram encontrados quatro locais onde a rede de adutora que trás as águas para o município estava modificada, o vereador Arnaldo Costa, uma mulher identificada como Vanderleia e um agricultor conhecido como João de Antônio. O trio foi levado para a Delegacia onde foi autuado em flagrante pelo crime de furto.

Os suspeitos assumiram a autoria do "gato" e a água roubada era usada em sua maior parte para dar aos animais e irrigar plantações nas propriedades privadas. Os três acusados foram liberados após pagamento de fiança.

Ex-foragido que estava em Pedro Velho chega em Natal

Na Foto: Curau que continua solto

Gutemberg Lima de Azevedo foi preso no município de Pedro Velho, a 90 quilômetros de Natal, após diligências da polícia civil durante o final da manhã de hoje. Ele é um dos suspeitos de ter participado do assassinato de dois policiais no início do mês.

O acusado chegou em Natal por volta das 17h com o ferimento nas costas provocado por um tiro de raspão que ele tomou após troca de tiros com a polícia.

Segundo o delegado adjunto da Delegacia de Divisão Especializada de Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), Marcelo Maceira, Gutemberg irá para um hospital fazer um curativo no local afetado pela bala. "Foi feito um curativo preliminar num hospital que não podemos informar por motivo de segurança", disse. O delegado não soube informar também para qual delegacia Gutemberg irá ficar a partir de agora.

Ele é condenado da Justiça e com mandados de prisão em aberto desde 2004.

Foragido de Alcaçuz está com refém em distrito de Pedro Velho

O foragido da penitenciária de Alcaçuz, Gilmar da Cruz Silva, conhecido como "Curau", está neste momento com uma família refém no distrito de Carnaúba, no município de Pedro Velho. Ele estava junto com Gutemberg Lima de Azevedo, baleado em troca de tiros com a polícia civil no final da manhã de hoje. O bandido está pedindo a presença da juíza que o condenou para poder libertar os reféns.

Curau fugiu no momento em que os policiais trocavam tiros com Gutemberg Lima, quando as autoridades foram cumprir diligências pela morte de dois policiais civis no início do mês.

Fugitivo desde agosto, a ficha criminal de Curau é extensa. Em janeiro de 2001, numa tentativa de assalto, ele assassinou a tiros um médico em Pedro Velho, na região Agreste, quando tinha 15 anos.  Em 25 de maio de 2005, um homem identificado como Rafael Fernandes da Silva, de 51 anos, também foi assassinado em Pedro Velho. Já em maio de 2006, ele foi acusado de matar o vigilante Francisco Belmiro, o "Chicão", crime ocorrido na avenida Jaguarari, cuja autoria ele negou.

Motorista é preso após bater em bicicleta e matar homem e criança na BR-110

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou duas mortes por atropelamento no fim da noite de ontem segunda-feira (24), por volta das 22h, no km 2 da BR-110, localizado na zona urbana do município de Areia Branca. Na ocasião, um veículo Gol vermelho de placas NNN-0378, conduzido por Ricardo Cristiano da Silva Santos, com sinais de embriaguez, atingiu a traseira de uma bicicleta ocupada por José Antônio Dias, 44 e Daiane Gregório de Souza, de apenas 9 anos, que morreram na hora.

Segundo a PRF, o condutor do veículo foi preso em flagrante. Informações de populares dão conta que tanto o acusado como as vítimas teriam saído de uma movimentação política e seguiam para o centro da cidade. Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Instituto Técnico e Científico de Polícia(Itep) para a realização do trabalho de necropsia.

Comandante do 3º DPRE sofre acidente próximo a Pombal/PB

O Major PM Silva Neto, comandante do 3º DPRE, com sede em Caicó, se envolveu em um acidente automobilístico próximo a cidade de Pombal no estado vizinho da Paraíba.

Segundo os primeiros informes, major Silva Neto teria chocado seu veículo em um animal solto no asfalto, vindo a capotar em seguida.

Uma viatura do Trânsito aqui de Caicó foi acionada para dar apoio ao comandante, o que nos leva a crer que seu estado de saúde é bom.

Fonte: Trânsito no Seridó

Criança de 2 anos é encontrada abandonada em boca de fumo

Policiais da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam) apreenderam na noite de ontem segunda-feira (24), uma adolescente de 16 anos acusada de tráfico de drogas e abandono de incapaz. A jovem foi flagrada de posse de maconha, crack e balança de precisão. O fato aconteceu no bairro Nova Descoberta, na travessa Raimundo Brasil, em uma residência na Vila São João.

De acordo com o policial J. Paulino, a acusada saiu de casa deixando uma criança de dois anos sozinha dentro de casa com uma cadela da raça Hot Valey. Ao chegarem no local, os policiais militares ficaram surpresos com a cena. "A gente demorou a acreditar que aquela criancinha indefesa estava alí ao lado de um animal perigoso e sem ninguém", relatou.

Dentro da casa os policiais realizaram uma busca e encontraram um tablete de maconha, 20 trouxinhas da mesma droga, 30 pedras de crack, além de uma balança de precisão e dinheiro fracionado.

A equipe da Rocam iniciou então uma busca no bairro na tentativa de apreender a adolescente. A jovem foi encontrada acompanhada de um amigo em uma lanchonete. Ela não reagiu e acabou detida. A acusada disse a reportagem do Portal BO que não tinha deixado a criança só,mas acompanhada de uma cadela.

"Eu não deixei meu irmão sozinho, isso não é verdade. Ela ficou com 'princesa' - a cadela - e estava segura", explicou. Os policiais descobriram que a adolescente é companheira de um homem que está preso cumprindo pena por tráfico de drogas.

Homem é encontrado morto em estrada carroçável

O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado no final da manhã de ontem segunda-feira (24), em uma estrada carroçável, às margens da estrada de Genipabu, na cidade de Extremoz. A vítima foi morta com vários tiros de pistola e caiu ao lado de uma motocicleta que supostamente era pilotada por ela.

De acordo com o soldado Salles, da Força Tática de Extremoz, o corpo foi encontrado por moradores da região que ligaram para o CIOSP (Centro Integrado de Segurança Pública). A nossa equipe chegou ao local e constatou o fato. "Ainda é cedo para dizer o que realmente aconteceu aqui. Mas as evidências mostram que a pessoa foi morta aqui no local", disse.

O delegado da cidade, Claudio Henrique, esteve no local do crime,mas preferiu não comentar o fato com a imprensa. Ao lado do corpo da vítima existiam cápsulas de pistolas o que leva a crer que o homem ainda não identificada foi mesmo morto a tiros.

A MATANÇA CONTINUA: 96° Homicídio registrado em Mossoró

Mais um crime de homicídio foi registrado pela Central de Operações da Polícia Militar, dessa vez, na noite de ontem segunda-feira (24), por volta das 21h, na rua do Chafariz, localizada na Favela do Tranquilim, no Bairro Dom Jaime Câmara, em Mossoró.

A vítima foi identificada como Francisco Gomes dos Santos Filho, 32 anos, conhecido como “Gaguinho”, morto a pauladas e com dois disparos de arma de fogo, quando saía da residência de uma irmã. A polícia acredita que o motivo da morte tenha sido a disputa pelo comando do tráfico na favela.

"Gaguinho" foi encontrado caído no meio da rua e ao lado de sua motocicleta, com um disparo na mão esquerda e outro no rosto. A parte posterior da cabeça apresentava deformações com perda de tecidos provocada por espancamento. Pedaços de madeira ainda foram encontrados ao lado do corpo da vítima.

Policias da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam), isolaram o local do crime até a chegada do Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep), que realizou a perícia e logo após o trabalho de remoção do corpo para necropsia.

Homem é preso no depois de assaltar e arrancar parte de orelha da vítima

Agentes da delegacia civil de Baraúna prenderam na tarde de ontem segunda-feira (24), por ordem judicial, Leonardo Miguel da Silva, 28 anos, acusado de assaltar e arrancar parte da orelha da vítima durante agressão no dia 18 de agosto deste ano. Na ocasião, Leonardo fugiu e foi identificado dias depois, após investigações, de acordo com descrições de suas características.

Leonardo Miguel da Silva foi conduzido e ficará recolhido do Centro de Detenção Provisório Masculino em Mossoró e responderá por roubo qualificado, em virtude da violência que resultou lesão corporal grave.

Locutor é preso acusado de matar mulher degolada

Foi preso o acusado de matar e degolar uma jovem de 25 anos em João Câmara, distante  74km da capital potiguar, por volta das 2h da manhã desta segunda-feira (24). De acordo com Sérgio Soares, investigador da delegacia da 10ª DRP de João Câmara, o acusado, Almir Pereira, mais conhecido como “Almir Coquinho”, 53, era locutor de uma rádio e carros de som na cidade. Almir manteve um relacionamento amoroso com a vítima durante pelo menos três meses e foi preso em flagrante após confessar o crime.

Ainda segundo Sérgio Soares, Almir foi encontrado no hospital da cidade onde teria ido para tratar de um ferimento na mão esquerda. Encaminhado a delegacia, o acusado acabou confessando o homicídio: "ele disse que diante de uma briga ela tentou agredi-lo com uma faca e ele se protegeu com mão (a que estava cortada) e no momento de raiva acabou furando várias vezes o pescoço dela", relatou.

Após a realização do flagrante, Almir deverá ser conduzido para a CDP de Ceará-Mirim, já que, ainda segundo o oficial, o Centro de Custódia, em Natal, não apresenta mais vagas. O acusado não tem passagens pela polícia.

Dom Delson sofre acidente de carro em Pernambuco

Carro que era ocupado por Dom Delson ficou a frente destruída - FOTO: Site Bom Jardim

O bispo, Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz, sofreu um acidente automobilístico na noite de ontem domingo, (23), quando retornava da cidade de Palmares, em Pernambuco.

De acordo com o próprio Dom Delson, ele, juntamente com Dom Mariano Manzano, (Bispo de Mossoró), voltavam da celebração pelos 50 anos de criação da Diocese de Palmares/PE, quando o carro modelo Pólo de cor branca foi colhido por um Pálio de cor prata, que trafegava na contra-mão.

O carro ficou com a frente completamente destruída e deu perda total. Dom Delson sofreu escoriações leves pelo corpo, enquanto Dom Mariano quebrou um dos braços e sofreu pancada forte em um dos olhos. O motorista da Diocese de Caicó, era quem transportava os dois religiosos. Ele também sofreu leves escoriações. Todos foram socorridos para uma unidade hospitalar, onde foram medicados e liberados.

Outro religioso que estava na celebração de Palmares, era o arcebispo emérito da Diocese de Natal, Dom Matias Patrício, que voltou do estado pernambucano de avião.

Juiza decreta prisão de dois jovens em Jardim do Seridó

Dois cidadãos foram presos em Jardim do Seridó/RN, por força de mandados de prisão expedidos pela Meritíssima Drª.  Janaína Lobo da Silva Maia, Juíza de Direito da Comarca de Jardim do Seridó/RN.

Os apenados são: Rosinete Barbosa, residente no bairro Caixa Dàgua, que havia algum tempo que não cumpria uma pena no regime semiaberto, o que motivou a regressão de regime para o fechado, já o outro, trata-se de Inácio José Nascimento de Medeiros, conhecido como Mudinho do Bela Vista, por força de um mandado de prisão preventiva.

Os dois estão recolhidos no CDP da cidade de Parelhas.

Relembrando o Caso do Mudinho:

Um caso no mínimo revoltante chocou na tarde de hoje (10.01.2012), os moradores do Bairro Bela Vista em Jardim do Seridó, quando o jovem Inácio José Nascimento de Medeiros, conhecido como Mudinho do Bela Vista, 24 anos, tentou violentar sexualmente uma criança D.H.C.S de 06 anos.

Segundo informações da mãe da criança, o acusado levou seu filho para um terreno baldio do bairro e quando estava totalmente despido (nu), um vizinho percebeu que o mesmo tentava tirar a roupa da criança, foi quando veio comunicar o fato a mãe da criança que chegou rápido ao local impedindo que o acusado violentasse seu filho. O Mudinho quando percebeu a chegada da mãe fugiu correndo.

A polícia foi acionada e localizou o acusado já na casa de familiares no referido bairro, o mesmo foi conduzido para delegacia e posteriormente para a cidade de Caicó onde possivelmente será autuado em flagrante e ficará preso no CDP de Jardim a disposição da Justiça.

Acusado de assaltos a comercios no interior é identificado pela polícia

Após um mês do último crime, os Policiais da Delegacia Civil da cidade de Baraúna, sob o comando do Bacharel Marcio Lemos, identificaram três suspeitos de estarem praticando assaltos em comercios da cidade. Os acusados foram identificados pelas imagens do sistema de câmeras de segurança do estabelecimento.

Segundo informações do delegado, o mentor intelectual do crime foi Rafael Vladimir da Silva Lucio, de idade não identificada. Ele é acusado de fazer o levantamento dos locais a serem assaltados e emprestar as armas que eram utilizadas por dois adolescentes.

Os assaltos eram praticados pelos menores que foram recolhidos pelas imagens e confessaram a ação criminosa. Os menores disseram ao delegado que agiam a mando de Rafael, que encontra-se detido no Centro de Detenção Provisório, em Mossoró, a disposição da justiça.

Duas pessoas morrem em acidente de moto na BR-304

Um acidente de moto na BR-304, km 302, entre Parnamirim e Macaíba, na altura da pousada Macamirim, deixou duas vítimas fatais. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o acidente ocorreu no início da manhã, mas ainda não se sabe as circustâncias da ocorrência. Os corpos das vítimas, uma mulher ainda não identificada e um homem de 24 anos, identificado como Leonaldo Ferreira de Souza, 24 anos, foram encaminhados para o Instituto Técnico de Polícia (Itep), em Natal.

Segundo o comerciante Marcelo Eduardo, 40, dono de um carro de lanches e que trabalha na região, disse que avistou o casal "bebendo e discutindo no carro de lanches ao lado de onde eu trabalhava esta madrugada. Eram umas 3h30 ou 4h", disse. Marcelo contou que reconheceu o homem pelo modelo da bermuda.

Aparentemente a moto, modelo Honda CG placa NNW-5776, de Natal, vinha em alta velocidade - sentido Parnamirim-Macaíba - perdeu o controle, saiu da pista e foi parar no meio do mato à margem da rodovia. De acordo com a polícia, Leonaldo, que conduzia a moto, não tinha carteira de habilitação.

Homem tem a cabeça decepada depois de sofrer tiro em Parelhas

Por volta das 21horas de Sábado (22), foi registrado um homicídio na Rua Mauro Duarte no Bairro Ivan Bezerra em Parelhas/RN. A vitima foi identificada como Itan Luiz Marques, 37 anos, residente no bairro acima citado.

Segundo informações da Policia Militar, foram ouvidos, por populares, um disparo de arma de fogo.

Moradores das proximidades do fato foram observar o que tinha acontecido e se depararam com a vítima caída ao solo com a cabeça decepada. Provavelmente foi usado um facão ou uma foice para decepar a cabeça da vitima.  A cabeça ficou a cerca de dez metros do corpo.

A vítima conduzia no momento do fato uma moto modelo Honda Titan, de cor cinza e placa KJA 9177, Timbaúba/PE.

A Policia Militar acredita em acerto de contas, já que Itan estava sendo apontado como autor de um homicídio praticado no dia (08 de abril de 2012) na Rua Roberto Pereira da Silva, no Bairro São Sebastião, contra Martinho Venâncio da Silva, 70 anos, onde o mesmo foi vítima de três disparos de revolver em sua própria residência chegando a falecer no local. Minutos depois do homicídio, Itan chegou a ser preso onde cumpriu pena no CDP de Parelhas, mais foi posto em liberdade meses depois.

Na noite de sábado, a Policia Militar foi acionada esteve no local isolando a área aguardando a chegada do ITEP, enquanto outra viatura esteve fazendo diligências a procura de suspeitos pela prática do homicídio.

Fonte: Marcos Silva

A Polícia em busca dos suspeitos

Professor que foi preso como suspeito de ter ateado fogo a ônibus vai a delegacia depor

A polícia instaurou na manhã de ontem os inquéritos para identificação dos autores dos atos de vandalismo ocorridos durante e após o protesto de rua da última terça-feira. Na 5ª Delegacia de Polícia Civil, por volta das 9h30, o delegado Ulisses Nascimento de Souza ouviu um dos supostos acusados de participação nos eventos que culminaram com o incêndio de um ônibus e a depredação de vários veículos.

O professor de história Felipe Serrano, de 26 anos, foi a única pessoa presa pela Polícia Militar sob a acusação de ter ateado fogo e causado "baderna" na avenida Bernardo Vieira. Felipe foi até a delegacia para o reconhecimento policial. Mas, de acordo com um dos advogados de defesa, o professor teria sido chamado para depor e prestar esclarecimentos, o que não ocorreu.

"Esperávamos que ele tivesse oportunidade de apresentar sua declaração, tendo em vista que serve para ajudar a Polícia Civil nas investigações. Pedimos para formular em ata que ele não depôs e para ter acesso aos autos policiais do processo investigativo, mas esse acesso nos foi negado pelo delegado", disse o advogado Gustava Barbosa.

A atitude do delegado Ulisses Nascimento de Souza, segundo o presidente da secção regional da Ordem dos Advogados do Brasil, Paulo Eduardo Teixeira, desobedece uma lei federal defendida no Estatuto de Advocacia e Código de Ética, que garante o acesso dos advogados aos autos criminais para formulação da defesa. "O advogado entrou em contato com a OAB, conforme prevê a lei em caso de descumprimento. As medidas cabíveis serão tomadas: uma representação na Corregedoria de Polícia e uma ação judicial para garantir o direito do advogado", esclareceu Paulo Teixeira.

Felipe Serrano chegou a delegacia com um braço na tipoia. Ele precisou fazer cirurgia em  dois dedos fraturados da mão esquerda e apresentava luxações no braço direito e escoriações no pescoço, joelhos e calcanhares. Ele atribui os ferimentos aos policiais militares que o prenderam e também a outros agentes de delegacias por onde passou na noite da terça-feira.

As investigações da Polícia Civil sobre a queima dos dois ônibus durante os protestos de rua vão ser baseadas, principalmente, nas imagens de vídeo armazenadas pelo Centro de Investigações Integradas da Polícia Militar e captadas pelas câmeras instaladas nas avenidas Bernardo Vieira e Salgado Filho. Além disso, a policia requisitou, imagens de câmeras de segurança privadas nas imediações de onde os ônibus foram incendiados.

Caso F Gomes: Juiz solta Tenente Coronel e Soldado da PM suspeitos de participarem do crime

Na tarde de ontem sexta-feira, (21), o juiz Luiz Cândido de Andrade Villaça, soltou os réus Marcos Antônio de Jesus Moreira (tenente coronel da PM) e o Evandro Medeiros, (soldado da PM). Ambos são réus no processo que apura a morte do jornalista F Gomes, ocorrida em 2010.

De acordo com o magistrado, os réus, Rivaldo Dantas de Farias e Gilson Neudo Soares do Amaral, permanecem presos, até porque, este último, é condenado por tráfico de drogas. Com relação a Rivaldo, os indícios ainda são fortes para mantê-lo preso.

O Ministério Público de Caicó, na pessoa do promotor Geraldo Rufino de Araújo Júnior, foi favorável ao pedido feito pelos advogados de Evandro e Moreira. Com isso, o juiz também acatou o pedido. Ele alegou que não encontrou indícios para mantê-los presos.

“Agora, isso não quer dizer que eles não irão a julgamento popular. Eles foram soltos para responder ao processo em liberdade”, disse o juiz.

Sobre a sentença de pronuncia, Luiz Cândido, disse que deve sair nos próximos 30 dias. Ainda está para ser marcado o julgamento popular de Lailson Lopes e de João Francisco dos Santos, o “Dão”, que deve ocorrer ainda este ano, pelo menos é a perspectiva do magistrado.

Operação Vivenda desarticula esquema de compra de votos na Paraíba

A Polícia Federal desencadeou na manhã de hoje sexta-feira, (21), a Operação Vivenda com objetivo de desarticular esquema criminoso liderado por um candidato ao cargo de vereador de João Pessoa/PB.

Durante as investigações ficou demonstrada a montagem de uma estrutura criminosa para oferecimento de casas em troca de votos para o candidato a vereador durante o pleito municipal.

Diante da promessa de recebimento de casas, os eleitores eram cadastrados em cooperativa, onde informavam seus dados pessoais, inclusive, número de título e seção eleitoral. Dessa forma, ficavam cientes que o recebimento da moradia estava condicionado ao voto no presidente da cooperativa para vereador.

A Polícia Federal já dispõe de farta documentação comprovando a fraude, estando demonstrado, antes mesmo do início do cumprimento dos mandados, que aproximadamente seis mil pessoas na capital da Paraíba estavam cadastradas esperando suas casas em troca de seus votos.

Estão sendo cumpridos quatro mandados expedidos pelo Juiz da 76ª Zona Eleitoral de João Pessoa, sendo dois de prisão preventiva e dois de busca e apreensão. Toda a documentação e material de informática apreendidos serão examinados e periciados, podendo resultar na identificação de outras pessoas que tenham participado das fraudes.

Caso F Gomes: Promotor é favorável à pedidos de liberdade de Moreira e Evandro

Promotor Geraldo Rufino na Audiência

O encerramento da audiência de instrução e julgamento do processo da morte do jornalista F Gomes, ocorreu na manhã desta sexta-feira, (21).

Os advogados de defesa do tenente coronel Marcos Moreira, e do soldado PM Evandro Medeiros, entraram com pedidos de relaxamento de prisão, e o promotor Geraldo Rufino de Araújo Júnior, foi favorário em suas alegações, que inclusive, foram feiras de forma oral. O juiz ainda precisa decidir se acata os pedidos.

Quanto ao réu Rivaldo Dantas, seu advogado ingressou com um pedido de habeas corpus no Tribunal de Justiça e disse que vai aguarda o resultado não tendo ingressado com nenhum pedido na Vara Criminal de Caicó.

O defensor público, que fez a defesa de Gilson Neudo, não estava presente no final da audiência, e deve fazer as alegações nomiais, sendo entregues nas próximas horas. O ex-pastor, Gilson, é condenado por tráfico de drogas. Ele está custodiado no presídio de Pau dos Ferros.

Caso F Gomes: Audiência de instrução entrou pela madrugada

A audiência de instrução do processo da morte do jornalista F Gomes, terminou por volta de 1 hora e 20 minutos da madrugada desta sexta-feira, (21), no Fórum Amaro Cavalcante. Todas as testemunhas e réus do processo foram ouvidas. O último a ser interrogado foi o pastor Gilson Neudo Soares do Amaral.

Os réus se defenderam das acusações de participação no crime, mas, o ex-pastor Gilson Neudo, acusou o preso Lailson Lopes, de ser o verdadeiro mandante do crime. Que ele, inclusive, foi mostrar onde era a casa de F Gomes, para “Dão” praticar o crime, pois ele não sabia.

Outra informação que surgiu em um dos depoimento, que o Blog não conseguiu apurar ainda de quem, é que “Dão” estava armando e pronto para atirar na cabeça do jornalista, mas, este, ouviu um barulho como se fosse o disparo de uma arma de fogo, com o susto atirou atingindo o peito e posteriormente outras partes do corpo.

O réu Lailson Lopes, em seu depoimento confirmou toda a versão dada a Polícia Civil em 2011, momento em que entregou todos os suspeitos de participação no crime, no caso, o tenente-coronel Marcos Antônio de Jesus Moreira, o ex-pastor Gilson Neudo Soares do Amaral, o advogado Rivaldo Dantas de Farais e o soldado PM Evandro Medeiros.

Ao deixar a sala de audiência, Lailson, se encontrou com o pai nos corredores do Fórum. Depois foi encaminhado para a cela onde estava. Uma informação extra-oficial, dá conta que antes do “Gordo” ser ouvido, ele foi ameaçado pelo pastor que estava em uma cela ao lado da sua no Fórum.

O tenente-coronel Marcos Moreira, também se defendeu das acusações e disse que não tinha conhecido com os demais réus do processo.

Com o final das ouvidas de testemunhas e réus, os advogados estão estão preparando pedidos de relaxamento de prisão, o que serão apreciados na manhã de hoje pelo juiz Luiz Cândido de Andrade Villaça, com a opinião do Ministério Público.

Fonte: Sidney Silva