Procuradoria cobra R$ 3 bilhões de Henrique, Geddel, Cunha e mais 14 por fraudes na Caixa

A força-tarefa da Operação Greenfield apresentou quatro ações de improbidade contra os emedebistas Geddel Vieira Lima, Eduardo Cunha e Henrique Eduardo Alves, além de outros 14, em que cobram R$ 3 bilhões para reparação de danos causados à Caixa Econômica Federal e no FGTS.
As ações, movidas na esfera cível, se referem a fatos que chegaram a ser denunciados pela Procuradoria na esfera criminal, pelas supostas propinas e lavagem de dinheiro, e tem como objetivo a recuperação dos supostos prejuízos à Instituição Financeira.

As peças na esfera civil se dividem em propinas pagas pelos frigoríficos Marfrig e Bertin, também pela BR Vias, pertencente a Henrique Constantino, dono da Gol, e pelo Grupo J&F.

A ação referente ao mais alto numerário em propinas diz respeito à J&F. Segundo a Procuradoria, entre 2011 e 2015, sob o comando do ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (MDB), pegaram R$ 182 milhões, o que envolveu operação do FI-FGTS para em suposto benefício do Grupo. Outros quatro são acusados, entre eles ex-vices da Caixa.

Delatores, como Fábio Cleto, Lúcio Bolonha Funaro, Alexandre Margotto, Henrique Constantino e Joesley Batista, entre outros não foram responsabilizados nas ações civis, já que firmaram acordo de colaboração com o MPF.

Marfrig

Em outra ação civil, a Procuradoria narra que, entre 2012 e 2013 – época em que Geddel era vice da Caixa -, o grupo recebeu R$ 9 milhões em propinas do Marfrig. A contrapartida seria a liberação de Cédula de Crédito Bancário (Capital de Giro) no valor de R$ 300 milhões, e de Cédula de Crédito Bancário (Conta Garantida) no valor de R$ 50 milhões.

Bertin

Em outra ação, que se refere ao período de 2012 e 2015, o grupo sob liderança de Eduardo Cunha teria se beneficiado da atuação de Geddel na Caixa para liberar um crédito de R$ 2 bilhões decorrentes de financiamento da concessionária SPMAR com o BNDES. As propinas seriam de R$ 57 milhões.

BR Vias

Já Henrique Constantino teria pago propinas de R$ 7 milhões em 2012, ao grupo de políticos e vices da Caixa para obtenção de recursos de R$ 300 milhões ‘por meio de aquisição de debêntures pelo FI-FGTS e, assim, com envolvimento da Vice-Presidência de Fundos de Governo e Loterias, bem como para a obtenção de empréstimo-ponte junto à VicePresidência de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, a fim de aguardar a liberação da mencionada operação, e, ainda, para a liberação de uma Cédula de Crédito Bancário (Capital de Giro) no valor de R$ 50.000.000,00 (cinquenta milhões de reais) em favor da OESTE SUL EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS S.A.8’.

Grupos

Sobre as ações, o Ministério Público Federal explica que moveu contra primeiro grupo, que ‘era formado por empresas que encaminhavam projetos para a captação de recursos da Caixa (por meio de empréstimos) ou do FGTS (por meio dos seus fundos de investimentos)’. “Também era responsável por efetuar o pagamento de propina tanto aos empregados públicos da CEF que tinham potencial poder decisório, ainda que fosse para influenciar outros, quanto aos agentes políticos a ele ligados”.

“O grupo dos empregados públicos era responsável por fornecer informações privilegiadas aos agentes políticos e operadores financeiros sobre o projeto apresentado pela empresa à Caixa. Cabia a eles, também, agir internamente para beneficiar as empresas e/ou influenciar as decisões dos comitês da Caixa ou do FGTS, para aprovar ou desaprovar a concessão de empréstimos (ou os investimentos) às empresas requerentes”, diz a Procuradoria.

Segundo a Greenfield, os ‘agentes políticos recebiam as informações privilegiadas e, assim, cooptavam as empresas que se dirigiam à entidade financeira para obter recursos’. “Havia ainda, em certos casos, outros agentes políticos que se beneficiavam com o recebimento de propina, por terem ligação com os agentes políticos cooptadores e prestarem auxílio permanente ao esquema”.

Em colaboração, Funaro afirmou que o valor da propina negociada tinha como base um percentual sobre o recurso que seria liberado – em geral 3%. A distribuição desse percentual girava em torno de 50% para Geddel, 30% para Cunha e 20% para ele. No início do esquema ilícito, havia uma intermediação de contato e distribuição feita por Eduardo Cunha. Posteriormente, Funaro se aproximou de Geddel, passando a realizar as entregas diretamente para ele.

A reportagem tenta contato com os alvos da ação. O espaço está aberto.

Por Estadão Conteúdo


Homem arma rede e se deita no alto de antena telefônica, em Pombal-PB

Um homem armou uma rede e se deitou no alto de uma antiga antena telefônica, na cidade de Pombal, no Sertão da Paraíba. De acordo com a Polícia Civil, o homem sofre com problemas mentais e já repetiu essa ação mais de dez vezes.

O vídeo mostra o homem que escalou a antena, armou a rede e instantes depois é possível vê-lo se balançando tranquilamente na rede de dormir.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para retirá-lo da antena. Após conversarem com o homem os bombeiros conseguiram convencê-lo a descer.


Idoso de 74 anos mata o filho com porrete em Monte Alegre na Grande Natal

Um idoso de 74 anos matou o próprio filho a pancadas, com um porrete, na noite deste sábado (28) em Monte Alegre, na região metropolitana de Natal. As informações são da Polícia Militar. O caso foi registrado por volta das 20h30 próximo à lagoa do Quirambu. Após o crime, o suspeito fugiu.

De acordo com a Polícia Militar, pai e filho estavam consumindo bebida alcoólica, quando tiveram um desentendimento e começaram a brigar, entrando em luta corporal. Em determinado momento, o idoso teria usado uma barra de ferro como porrete para acertar a cabeça do filho. A polícia não informou o motivo da briga entre os dois.

O caso aconteceu no terreno onde eles residiam. Segundo os vizinhos, o filho chegou recentemente de Uberlândia, para morar com o pai, porque estava desempregado.O idoso ficava na casa principal e ele em uma menor, nos fundos do terreno.

Ainda de acordo com vizinhos, sempre havia briga entre os dois. Porém, pancadas mais fortes foram ouvidas neste sábado (27). Os vizinhos chamaram o irmão da vítima, mas quando o homem chegou já não podia fazer mais nada.

De acordo com o relato dele, o pai ainda se encontrava no local e, questionado, disse que o filho estava dormindo bêbado. Porém, ao se aproximar do irmão, na calçada da casa, o homem viu uma poça de sangue e a barra de ferro ao lado do corpo. Outra irmã ainda tentou socorrer a vítima, mas ela já estava sem vida.

A vítima foi identificada como Erivanaldo Vicente da Silva, de 48 anos. Enquanto os outros filhos tentavam socorrer o imrão, o suspeito fugiu do local. O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi acionado para fazer perícia e recolher o corpo. A Polícia Civil também foi chamada e é responsável por investigar o caso.

Por G1-RN


Bandidos arrombam escola na Grande Natal

A Escola Municipal Alzelina de Sena Valença, que fica em Parnamirim, na Grande Natal, foi arrombada na noite desta sexta-feira (26). De acordo com a polícia, o crime aconteceu por volta das 23h. Os criminosos levaram a merenda e aparelhos eletrônicos.

Do lado de dentro, os bandidos reviraram o prédio da escola, está instalada no bairro Rosa dos Ventos. A Coordenação Pedagógica da instituição confirmou o arrombamento e informou que o caso foi levado à Central de Flagrantes da Polícia Civil. Um notebook e uma caixa de som foram roubados, além da comida dos alunos.


Nenhum apostador acerta as seis dezenas da Mega-Sena; prêmio acumula em R$ 10 mi

Nenhum apostador as seis dezenas do concurso 2.173 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite do último sábado (27), em São Paulo. Portanto, o prêmio acumulou em R$ 10 milhões.

As dezenas sorteadas foram as seguintes: 02 – 09 – 42 – 44 – 48 – 50.

A quina teve 51 apostas ganhadoras. Cada um receberá R$ 35.892,64. Já a quadra teve 3.884 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 673,28.


Empréstimo será opção para sacar saldo total do FGTS

O trabalhador que optar pela modalidade de saque-aniversário, na qual receberá anualmente uma parcela do seu saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), também terá à disposição a possibilidade de buscar todos os valores depositados em sua conta do fundo por meio de linhas de crédito nas instituições financeiras.

A medida provisória 889, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro nesta semana, contemplando as mudanças no FGTS – retirada de R$ 500 neste ano e opção pelo saque na data do aniversário a partir de 2020 – contempla essa possibilidade.

A MP informa que poderá ser feito o bloqueio de “percentual do saldo total existente nas contas vinculadas e ao saque em favor do credor [instituição financeira], com vistas ao cumprimento das obrigações financeiras de seu titular”.


Caicó registra morte por choque de eletricidade nesse domingo, 28

Caicó registrou nessa manhã deste domingo (28), a morte de um homem que morreu vítima de choque de eletricidade no bairro João XXIII, Zona Oeste da cidade, mais precisamente na localidade conhecida como “Baixa da Cachorra”.

No local foi detectado que a vítima teria caído com a perna dentro de uma caixa d’água e fazia uso de uma furadeira, que transmitiu a corrente com energia para seu corpo. Marciel Gomes, natural de Macaíba, morreu a caminho do HRS.

Maciel foi socorrido para o Hospital Regional e lá atendido pelo médico Dr. Tadeu, que tentou reanimá-lo por mais de 15 minutos, mas não resistiu. A causa morte ficará a critério do Itep.

Por Jair Sampaio


Em dez anos, produção de grãos terá aumento de 26,8% no país

A safra de grãos para 2028/29 terá um aumento de 26,8% em relação aos números atuais e será de aproximadamente 300,1 milhões de toneladas, segundo projeção do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e da Embrapa.

Já a área de grãos para os próximos dez anos deve aumentar 15,3%, passando de 62,8 milhões de hectares para 72,4 milhões.

O relatório, que foi baseado em 15 produtos derivados de grãos pesquisados mensalmente pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), mostra redução das áreas plantadas de arroz e feijão, enquanto a soja seguirá na liderança da produção nacional.

Cultura comum em quase todo o país, o arroz terá decréscimo de 8,6% de área plantada, enquanto sua produção aumentará 0,3%.

O relatório aponta a diminuição no consumo do grão, que passou de 12 milhões de toneladas no triênio de 2013 a 2015 para 11,5 milhões de toneladas no triênio de 2017 a 2019.

De acordo com o estudo, o encolhimento do consumo de arroz tem se refletido na produção interna.

Pautado principalmente para o consumo interno, o feijão manterá sua estabilidade e terá crescimento de 2,6% na produção.

Segundo técnicos da Embrapa, "o setor acredita que pode haver aumento de produção nos próximos anos, principalmente, por inserção internacional de alguns tipos de grãos".

Tomando a dianteira dos grãos, a soja é a que terá maior crescimento da produção, com 32,9% até a safra 2028/29. A produção atual é encabeçada pelo estados de Mato Grosso, com 28,1%, seguido pelo Paraná, com 14,2%; Rio Grande do Sul, com 16,8%; Goiás, 9,9%; e Mato Grosso do Sul, 7,4%.

Em relação à área plantada, o crescimento da soja será de 26,6%.

O relatório mostra a expansão da cultura para o norte do país, como Maranhão, Tocantins, Pará, Rondônia, Piauí e Bahia, alavancado pela expansão de produção, criação de bovinos, abates de animais e preços de terras.

Por Folhapress


George e Carla Ubarana ganham liberdade graças a indulto de Temer

Carla Ubarana e George Leal casal que foi condenado por liderar um esquema que desviou R$ 14, 1 milhões do setor de Precatórios do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) ganharam o direito à liberdade. Eles foram agraciados com o indulto assinado pelo ex-presidente Michel Temer em 2017 que estendeu o perdão de pena a condenados por crimes de corrupção.

A extinção da pena foi concedida pelo Juiz Henrique Baltazar. Ele chama a tenção para o fato de que os condenados, agora libertos, não pagaram a multa a que foram condenados, no valor de R$ 7 milhões, porém, ressalta que uma parte já foi paga e que há bens do casal pendentes de alienação para tanto. Na sentença, Henrique Baltazar diz que o indulto não alcança a pena das multas, apenas da reclusão.

Carla cumpria pena em regime fechado e George já estava livre, porém, monitorado pela justiça. Eles cumpriram um quinto da pena sem antecedentes e o fato do  crime não ter grave ameaça ou violência, se enquadrou no indulto de Temer. Este indulto já beneficiou, inclusive, condenados de outros escândalos de corrupção, como os do Mensalão e da Lava Jato.

O casal foi preso na “Operação Judas”, efetuada pela Polícia Civil e Ministério Público. Cara era chefe da Divisão de Precatórios do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. Ela foi, inicialmente, condenada a 10 anos e 4 meses de reclusão em regime fechado pelo crime de peculato. George Luís de Araújo Leal, marido dela, recebeu pena de 6 anos e 4 meses de reclusão no regime semiaberto.


Depois dos chineses, russos querem investir no RN

O Governo do Estado recebeu, nesta sexta-feira (26), o presidente do Conselho Municipal de Kupchino (distrito de São Petesburgo, Rússia), Mikhail Cherepanov, para discutir potenciais investimentos estrangeiros no Rio Grande do Norte e articular a participação de uma delegação potiguar no 1º Fórum Internacional dos Municípios dos Países do BRICS. O BRICS é um agrupamento econômico e político que envolve Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

O RN foi um dos três estados brasileiros visitados pela missão russa, ao lado da Paraíba e de São Paulo, para tratar das parcerias e receber o convite para o Fórum Internacional, que será realizado entre 19 e 23 de setembro em São Petesburgo. O evento é uma iniciativa do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, que destacou Cherepanov para articular a participação dos representantes das cidades dos cinco países do bloco econômico.

Para a governadora Fátima Bezerra, a possibilidade de parcerias e investimentos no Fórum é importante para o projeto de crescimento do estado. “Esse evento representa um fortalecimento dos BRICS. No que estiver ao alcance do Governo não mediremos esforços para contribuir e formar parcerias”, destacou.

O evento, segundo o plano apresentado por Mikhail Cherepanov, é voltado para a criação de uma plataforma que integre os projetos dos municípios e empreendedores russos e de outros países europeus. “A proposta do Fórum é ampliar a força e a influência dos BRICS no mundo. A ideia é que, em três anos, contemos com 12 mil participantes, entre municípios, representantes regionais e empresários. Ficaremos muito felizes se a governadora e representantes do estado possam participar”, pontuou o político russo.

O foco do evento é mediar projetos de médio porte em setores como construção civil, turismo e energia. O Governo e da Federação dos Municípios do RN (Femurn), que esteve representada pelos prefeitos Túlio Lemos (Macau) e Berg Lisboa (Goianinha), destacaram os potenciais turísticos do litoral e do interior potiguar, o que foi bem acolhido pela missão russa. Um portfólio de potenciais investimentos será formulado em conjunto e deverá ser enviado antes da realização do Fórum, para facilitar a mediação e encaminhar reuniões com os empreendedores russos. “Essa filosofia de articular projetos de médio porte casa diretamente com a nossa política de interiorização do turismo”, completou a governadora Fátima Bezerra.

A missão russa contou ainda com os representantes do evento no Brasil, Henrique Domingues, e no RN, Josiel Nilo, além da assessora Victoria Krylova. Por parte do Governo participaram o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado, e o assessor técnico Pedro Lima.


Governo lança Plano RN + Competitivo

O Governo do Estado lançou o Plano RN + Competitivo + Produtivo + Inclusivo, um conjunto de ações e medidas que visam atrair mais investimentos e gerar mais empregos ao Rio Grande do Norte. A solenidade de lançamento foi realizada nesta sexta-feira (26), no auditório da Governadoria, com a assinatura de quatro decretos em prol do desenvolvimento econômico do RN.

“Este momento simboliza um novo tempo para o desenvolvimento do nosso Estado, que merece voltar a crescer e ter superávit. Desde o início do Governo mantemos diálogo constante com os diversos setores, por entendermos que não é o Governo quem gera empregos, mas o empresariado. O RN + Competitivo é mais que um programa: ele é um pacto que depende da ação de todos nós, diversos atores, e que, juntos, devemos construir um RN mais forte, com norte, com rumo e que saiba onde quer chegar”, destacou a governadora Fátima Bezerra. Ela frisou ainda que essa é a resposta à crise financeira que o Estado atravessa.

O plano é composto, inicialmente, por 13 iniciativas que propõem estimular a retomada do crescimento econômico do RN por meio da atração de investimentos, qualificação profissional e geração de empregos, com algumas das medidas em andamento. É Coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) em cooperação com outras secretarias como a da Educação, da Segurança, do Trabalho e Assistência Social, da Tributação, da Agricultura, do Turismo e de Gestão de Projetos – e em articulação com as federações representantes do setor produtivo.

No lançamento do programa, a chefe do Executivo estadual assinou quatro decretos: um que institui o Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial do RN (Proedi), em substituição ao atual PROADI. Diferente da norma antiga, o novo dará incentivos graduais aos setores estratégicos mediante contrapartidas como garantia de abertura de vagas de trabalho e interiorização de atividades, e outros três que alteram incentivos fiscais para estimular setores como a carcinicultura.

O secretário Jaime Calado lembrou que o sucesso das empresas está atrelado ao do RN. “Em um Estado pequeno como o nosso, nós só vamos conseguir levantá-lo, à altura que ele merece, se estivermos todos juntos. Todos nós sabemos que não podemos cansar as esperanças do nosso povo, dos empresários e, principalmente, da juventude. A vitória das empresas é a vitória do Rio Grande do Norte. Cabe a nós provar para todos que o RN tem passado, presente e futuro.”

“Temos algumas divergências, mas este caminho os empresários estão buscando construir junto com o governo: um RN diferente”, acrescentou o presidente das Federações das Indústrias do RN (Fiern), Amaro Sales.


Ciosp vai monitorar associados do Sindipostos RN em tempo real

Postos de combustíveis associados ao Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do RN (Sindipostos RN) passarão a ser monitorados em tempo real pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) para garantir maior segurança contra assaltos. O convênio para tanto foi assinado com a Secretaria de Segurança do Estado (Sesed) na última terça-feira (23) e é uma antiga reivindicação da categoria.

A medida, a princípio contempla 30 postos de combustíveis da região Metropolitana de Natal, mas a expectativa é que, aos poucos outros estabelecimentos sejam inseridos. Caberá ao Sindicato contratar pessoal que trabalhará em regime de escala para acompanhar dentro do CIOSP as câmeras dos postos cadastrados. A medida pretende evitar que se repita situações como a de Leandro Pinheiro, proprietário dos Postos Pinheiro, na Zona Sul de Natal, cujos postos de combustíveis já passaram por diversos ataques.


LATAM amplia em 16% o volume de voos no Rio Grande do Norte

A LATAM Airlines Brasil, companhia aérea mais pontual do Brasil e que transporta mais passageiros no País, acaba de ampliar em 16% o volume de voos em Natal para aderir aos novos incentivos para redução do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) sobre o combustível de aviação no Rio Grande do Norte. Os novos voos serão operados a partir de 4 de agosto de 2019, ampliando de 80 para 93 voos a operação semanal da LATAM no Rio Grande do Norte.

“Os novos incentivos viabilizam os investimentos e fortalecem a competitividade do setor aéreo. É uma medida fundamental para o desenvolvimento sustentável da aviação no Rio Grande do Norte, contribuindo para seu desenvolvimento econômico, em especial o setor do turismo, indústria em que o Estado é uma das maiores referências do país”, afirma Jerome Cadier, CEO da LATAM Brasil.


ABC tem quarta melhor média de público da Série C

A torcida do ABC parece ter abraçado o time mesmo com a má fase e o virtual rebaixamento na Série C do Campeonato Brasileiro. Com o total de 34.683 pessoas em sete jogos como mandante, o Alvinegro tem a quarta melhor média de público da competição: 4.954 torcedores pagantes por partida. A equipe potiguar fica atrás de Remo-PA, que tem média de 14.446 torcedores por jogo; Santa Cruz-PE, com 6.916; e Paysandu-PA, com 5.827.

AS estatísticas abecedistas cresceram nas duas últimas rodadas como mandante. Contra o Treze-PB, partida que marcou o reencontro do time com a vitória, na 11ª rodada, 11.947 torcedores pagaram ingressos. O número representa o melhor público do Alvinegro na competição.

Já na rodada seguinte, contra o Confiança-SE, o público pagante foi de 10.801. Somando apenas os dois confrontos, o ABC levou 22.748 torcedores ao Frasqueirão, o que representa 65,5% do total da Terceirona. Assim, a parcela de 11.935 ficou dividida em outros cinco jogos da equipe, dando uma média de 2.387.


Conta de luz terá bandeira vermelha em agosto

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou, nesta sexta-feira (26), que a bandeira tarifária para o mês de agosto será a vermelha, no patamar 1, onde há uma cobrança extra de R$ 4 para cada 100 quilowatts-hora consumidos. Em julho, a cobrança foi da bandeira tarifária amarela, quando há um acréscimo de para R$ 1,50 a cada 100 kWh consumidos.

De acordo com a agência, a medida foi tomada pela possibilidade de aumento no acionamento das usinas termelétricas, que têm custo de geração de energia mais alto. Também pesou na decisão, a diminuição do volume de chuvas, com a chegada da estação seca.

“Agosto é um mês típico da estação seca nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN). A previsão hidrológica para o mês sinaliza vazões abaixo da média histórica e tendência de redução dos níveis dos principais reservatórios”, disse a Aneel.

De acordo com a Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada, possibilitando aos consumidores o bom uso da energia elétrica. O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração.


Programa que vai rever Mais Médicos será lançado na próxima semana

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, no Rio de Janeiro, que será lançado na próxima semana o programa que vai reestruturar o Mais Médicos.

“A Casa Civil e a Presidência da República deram o OK. Na semana que vem, a gente lança o Médicos pelo Brasil, que é o novo programa que vai rever o programa Mais Médicos”, disse.

Segundo o ministro, o dia do anúncio na próxima semana depende da agenda do presidente Jair Bolsonaro. “Isso também é reforçar a atenção primária. É basicamente direcionado para a atenção primária, praticamente voltado para o que a gente chama de Brasil profundo, as cidades mais vulneráveis”, destacou.

Ele acrescentou que nas cidades do interior é onde, muitas vezes, as campanhas públicas têm “menos apelo”. “É no interior do Brasil que eu tenho mais dificuldades para usar capacete para motocicleta”, exemplificou.

Por Agencia Brasil


Bolsonaro diz que Greenwald pode pegar “uma cana” no Brasil, mas não será extraditado

O presidente Jair Bolsonaro disse neste sábado que o jornalista norte-americano Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, pode “pegar uma cana”, mas não será extraditado e afirmou que eventual decisão de destruir provas obtidas após prisão de suspeitos de hackearem autoridades não cabe ao ministro da Justiça, Sergio Moro.

O The Intercept Brasil tem divulgado supostas mensagens trocadas entre Moro, na época em que era o juiz responsável pelos processos da Lava Jato em Curitiba, e procuradores da operação, que indicariam uma colaboração entre o julgador do caso e os responsáveis pela acusação.

Na sexta, Moro editou uma portaria que trata da “deportação sumária” de “pessoas perigosas”, vista por críticos como uma represália a Greenwald, o que o ministro e o ministério negaram.

“O Glenn pode ficar tranquilo. Talvez pegue uma cana aqui no Brasil, mas não vai ser lá fora não”, disse Bolsonaro a jornalistas, após participar de cerimônia de formatura de paraquedistas militares no Rio de Janeiro.

O presidente também afirmou que o jornalista norte-americano “não presta nem para ser mandado para fora” e acusou Greenwald de estar cometendo um crime.

“Não se encaixa na portaria o crime que ele está cometendo, até porque ele é casado com outro homem e tem filhos adotados brasileiros”, disse o presidente. A legislação brasileira veda a deportação de estrangeiros casados com brasileiros ou que tenham filhos brasileiros. Greenwald é casado com o deputado federal David Miranda (PSOL-RJ).

“Malandro. Para evitar um problema desse, casa com outro malandro e adota crianças aqui no Brasil”, atacou Bolsonaro.

Por Reuters


Historiador lança livro Modernizando os Sertões nesta sexta, 26, em Jardim do Serido

O historiador e autor Diego Marinho de Gois e a Editora CRV lançará o livro "Modernizando os Sertões: Jardim do Seridó a Veneza Seridoense" na noite desta sexta-feira (26), às 19 horas, na Câmara dos Vereadores de Jardim do Seridó.

Participe!


Escola da Assembleia inicia segundo semestre com novos parceiros e turmas de pós-graduação

A Escola da Assembleia começa o segundo semestre divulgando – no dia primeiro de agosto – o resultado da seleção para ingresso nos cursos de pós-graduação em ‘Especialização em Poder Legislativo e Políticas Públicas’ e em “Gestão Pública”. Os cursos, com 40 vagas cada, terão duração de 24 meses, e carga horária de 400 horas na modalidade presencial, no turno noturno, com aulas às terças e quintas-feiras, e início das aulas previsto para o dia 13 de agosto.

“Agora no segundo semestre está previsto um aumento no número de cursos e palestras, uma vez que a Escola da Assembleia irá ofertar, entre cursos, palestras e oficinas, 53 atividades. Ampliando o campo de atuação para a qualificação do servidor e para as demandas da sociedade”, informou o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

Segundo o diretor da Escola, professor João Maria de Lima, também será realizado o Fórum Acadêmico, em comemoração aos 10 anos da Escola, e será feita a entrega dos certificados de conclusão de três turmas de pós-graduação: Direito Público, Planejamento Financeiro e Gestão de Pessoas. “Ao todo, 58 pessoas receberão certificados. Deverá haver uma reforma nas instalações e a implantação do Laboratório de Inovação da Escola”, explicou o diretor.

O primeiro semestre da Escola da Assembleia foi marcado pelas parcerias firmadas para aplicação de cursos de capacitação técnica na modalidade Ensino a Distância (EaD). Passaram a ser parceiros, depois de visitas do diretor João Maria, a Escola da Assembleia de Minas Gerais, o Centro de Formação da Câmara (Cefor) e a Escola Virtual do Governo Federal (EVG).

Também foram firmadas parcerias com a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e a Ordem dos Advogados (OAB/RN), e iniciadas conversas com a Defensoria Pública do RN e a Federação dos Municípios do RN (Fecam). Outra novidade foi a inserção do Projeto Conexão Enem, que em parceria com a Prefeitura de Natal e a Câmara Municipal de Natal, promoverá aulões gratuitos preparatórios para o ENEM, no Palácio dos Esportes.

No balanço do primeiro semestre a Escola da Assembleia ofertou sete Palestras Profissionais, três cursos de Capacitação Pessoal, e 16 cursos de Capacitação Profissional, todos abertos à comunidade. Também foram oferecidas 4 capacitações voltadas prioritariamente para os servidores da Assembleia Legislativa: Sistematização e Prática do Processo Legislativo, Controladoria, Suporte Básico de Vida, e Gestão de Processos Organizacionais: Cadeia de Valor e Mapeamento de Processos.

“Ao todo, entre alunos regularmente matriculados em nossos 11 cursos de pós-graduação, e os estudantes que participaram de alguma atividade promovida pela Escola, a instituição atendeu neste primeiro semestre de 2019, cerca de mil pessoas”, afirmou o diretor João Maria de Lima. Além dos servidores da Assembleia Legislativa, foram beneficiados servidores de instituições parceiras e pessoas da comunidade, no caso da sobra de vagas.


O IGARN inicia vistorias de segurança e regularizações de açudes do Oeste

O Instituto de Gestão das Águas do Rio Grande do Norte, iniciou no município de Campo Grande, o trabalho de vistorias para classificação e regularização dos reservatórios.

Durante os dias 23, 24 e 25 de julho, uma equipe formada pelos engenheiros, Luiz Eduardo e Vera Cirilo, realizarão uma inspeção técnica em alguns dos principais reservatórios dos municípios de Campo Grande, Triunfo Potiguar e Caraúbas. Dentro desse trabalho serão emitidas outorgas de regularização para os empreendedores de barragens.

Para engenheira Vera Cirilo, este trabalho é importante para o Estado, visto que regulariza e classifica as barragens, trazendo uma maior segurança com relação aos reservatórios dos municípios. O IGARN continuará este trabalho nos demais municípios do Oeste e por outros territórios potiguares. A meta é dobrar a quantidade de reservatórios vistoriados.