Horário de verão tem início a 0h deste domingo em 11 estados

A partir da 0h do próximo domingo (4), os brasileiros de dez estados e do Distrito Federal devem ajustar os relógios para dar início ao horário de verão. O horário adiantado em uma hora em relação ao horário normal ficará em vigor até a 0h do dia 15 de fevereiro de 2019.

Os estados afetados são: Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Espírito Santo e o Distrito Federal. As informações são da Agência Brasil.

O Ministério de Minas e Energia explica que as regiões Norte e Nordeste não adotam o horário de verão porque a hora adiantada é mais eficaz nas regiões mais distantes da Linha do Equador, onde há uma diferença mais significativa na luminosidade do dia entre o verão e o inverno.

Nos estados do Centro-Oeste, Sudeste e Sul do país, os dias de verão são mais longos. O objetivo é estimular as pessoas e as empresas a encerrarem as atividades do dia mais cedo, a aproveitarem a iluminação natural e evitar que equipamentos eletrônicos sejam ligados para reduzir o consumo e a demanda energética no horário das 18h às 21h.

O ministério explica que no período também há aumento da temperatura e consequente aumento do uso de aparelhos de ar-condicionado, o que neutraliza o impacto no sistema elétrico.


Polícia Federal obriga cinegrafista da TV Globo apagar imagens de Bolsonaro

Um cinegrafista da TV Globo foi forçado por um policial federal a apagar imagens do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Segundo o jornal O Valor, o fato ocorreu nesta sexta-feira (2). O cinegrafista acompanhava a visita de Bolsonaro ao Centro de Adestramento da Ilha da Marambaia (Cadim), área da União administrada pela Marinha, no Rio de Janeiro. O profissional de imprensa embarcou junto com o presidente eleito e aliados no cais do Clube Náutico de Itacuruçá. Bolsonaro passou a tarde na Restinga de Marambaia com a esposa Michelle e amigos. No local, o cinegrafista, que estava a trabalho, foi abordado pela PF e forçado a apagar as imagens.

Ele foi também obrigado a voltar imediatamente para onde tinha embarcado. Antes, o policial federal coletou dados e tirou foto do cinegrafista. Procurada, a PF informou que não havia como falar com a reportagem porque hoje não tem expediente. No Iate Clube, onde Bolsonaro embarcou, a imprensa foi expulsa pelo diretor social da instituição, que se identificou apenas como Valdir. O diretor disse ser militar e ameaçou prender repórteres que esperavam Bolsonaro no píer do clube.

O Valor procurou também a Marinha para esclarecimento do episódio, mas não obteve resposta. Em nota divulgada, a Marinha afirma apenas que o Centro de Adestramento da Ilha da Marambaia (CADIM), localizado na Costa Verde do Rio de Janeiro, recebeu a visita de Bolsonaro.


Enem: no RN, portões fecham ao meio-dia

No próximo domingo (4), 5,5 milhões de brasileiros prestam o Exame Nacional de Ensino Médio, o Enem. No Rio Grande do Norte, 124.046 pessoas se inscreveram para a prova, principal forma de entrada para o ensino superior no país. Ao todo, serão 221 locais de prova, divididos em 40 municípios do Estado.

Os cartões de confirmação de inscrição, que possuem o local de prova do candidato, já estão disponíveis na internet, apesar de 1,1 milhão de candidatos ainda não terem acessado seus cartões, para conferir o local da prova. No RN, que não se integra ao horário de verão, os portões se abrem para os candidatos às 11h e fecham ao meio-dia, hora local.

No primeiro dia, os candidatos fazem as provas de linguagens, ciências humanas e redação. No próximo dia 11, serão aplicadas as provas de ciências da natureza e matemática. Durante os dois dias de prova, 1,2 mil agentes da Polícia Militar estarão espalhados por todo o Estado para reforçar a segurança e garantir que a aplicação da prova transcorra sem problemas.


Fenômeno El Niño pode agravar seca no Ceará em 2019, avalia Funceme

O fenômeno meteorológico El Niño, caso ocorra até o fim deste ano, pode agravar a seca no Nordeste e consequentemente no Ceará em 2019, segundo monitoriamento da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). O El Niño é um fenômeno causado pelo aquecimento das águas do Pacífico e pela redução dos ventos na região equatorial.

Segundo a meteorologista Meiry Sayuri Sakamoto, da Funceme, ainda é cedo para se falar de estação chuvosa de 2019, mas o estudo meteorológico de setembro de 2018 mostra uma tendência de aquecimento das águas do Oceano Pacífico desde o final da estação chuvosa.

“Ainda é muito cedo para gente se falar de estação chuvosa de 2019. Tem a comparação com anos anteriores. Existe o monitoriamento das águas da temperatura das águas do Oceano Pacífico e também o acompanhamento dos modelos de previsão dessas temperaturas. E esses modelos e também o acompanhamento do monitoriamento que estão mostrando a tendência de aquecimento das águas do Oceano Pacífico desde o final da estação chuvosa”.

Meire explica também que a quadra chuvosa 2018 ficou dentro da média climatológica. Graças a não presença do El Niño, mas sim, da La Niña, que é o oposto do El Niño. A La Niña deixa as águas do Oceano Pacífico mais frias.

“A estação chuvosa – a quadra chuvosa 2018 – ela ficou dentro da média climatologica, mas considerando o ano como um todo a gente está cerca de 16% de desvio negativo. Não tivemos El Niño ano passado. Tivemos na verdade uma estação chuvosa influênciada pela uma La Niña que é o contrário do El Niño. La Niña são as águas mais frias”.


Ex-ministro no governo Dilma, Joaquim Levy é sondado por equipe econômica de Bolsonaro

A equipe econômica do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) sondou o ex-ministro da Fazenda Joaquim Levy para fazer parte do novo governo. O cargo cogitado, no entanto, não foi revelado.

A informação foi divulgada pelo blog Radar, da Veja, e pela Agência Reuters, que ouviu uma fonte ciente do assunto. De acordo com a agência, o interesse na participação de Levy é de Paulo Guedes, futuro ministro da Economia, em uma pasta que deverá reunir os ministérios da Fazenda, da Indústria e Comércio Exterior e do Planejamento.

Atualmente como diretor financeiro do Banco Mundial, Joaquim Levy assumiu o Ministério da Fazenda no segundo mandato da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Ele deixou o cargo após menos de um ano por discordâncias quanto aos ajustes fiscais em meio à crise econômica.


Corpo de jornalista saudita foi desmembrado e ‘dissolvido’, diz governo turco

O corpo do jornalista saudita Jamal  Khashoggi, morto no consulado de seu país em Istambul, na Turquia, foi desmembrado para ser "dissolvido" com mais facilidade. A declaração é do assessor da presidência turca, Yasin Aktay, que concedeu entrevista ao jornal Hürriyet.

"Queriam assegurar que não ficaria nenhum rastro do corpo. Todos os locais para os quais nos levam as câmeras de segurança foram examinados e não encontramos o cadáver", contou o assessor. "Matar uma pessoa inocente é um crime. O que fizeram com o corpo é outro crime e uma vergonha", acrescentou.

Segundo informações da AFP, uma fonte do governo turco afirmou ao jornal "Washington Post", que as autoridades avaliam a hipótese de dissolução do corpo com o uso de ácido.

Em artigo publicado em vários meios de comunicação, a noiva do jornalista, Hatice Cengiz, apelou para que adotem "medidas reais, sérias e concretas para esclarecer a verdade e levar os responsáveis à Justiça". Ela quer que os Estados Unidos, onde Khashoggi se exilou em 2017, lidere esses esforços.


Sem cadeira no Senado, Dilma Rousseff deve dar continuidade a livro de memórias

Após perder a eleição para o Senado em Minas Gerais, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) deve retomar o projeto de escrever um livro de memórias. A petista também decidiu que continuará morando no Rio Grande do Sul.


Adutora de Jardim de Seridó vai custar R$ 6,2 milhões

O governador Robinson Faria assinou, nesta quinta-feira, 1º de novembro, a ordem de serviço que autoriza a construção da Adutora de Jardim do Seridó. A obra está orçada em mais de R$ 6,2 milhões, com recursos do Projeto Governo Cidadão, por meio do acordo de empréstimo junto ao Banco Mundial, em parceria com a Caern.

Em seu pronunciamento, o chefe do Executivo estadual destacou a importância da ação para a cidade. “Hoje para mim é um dia abençoado. Estou muito feliz em voltar a Jardim do Seridó para garantir mais uma ação que traz dignidade para ao povo, pois trazer abastecimento é também trazer vida e perspectiva de desenvolvimento”, observou Robinson.

A obra vai garantir o abastecimento de água na zona urbana do município que até o momento é abastecida por carro-pipa. Com estrutura de ferro fundido, a adutora terá 17,6 Km de extensão e beneficiará cerca de onze mil habitantes da região.

O sentimento de gratidão pela obra que se inicia foi expressado pelo prefeito de Jardim do Seridó, Amazan Silva. “Momento de muita emoção e alegria. Nosso sonho está virando realidade. Só sabe o que significa esta obra quem como nós convive com a falta de água no tempo das secas. Sou grato, tenho que ser eternamente grato ao gestor que tornou esse sonho uma realidade. Que Deus abençoe este momento”, frisou.

A previsão é de que a adutora esteja em funcionamento em março de 2019.

Deputado reeleito, Vivaldo Costa, destacou o comprometimento do governador em dar continuidade às ações no Estado, mesmo após o resultado adverso da sua candidatura à reeleição. “Robinson começou a plantar um novo futuro para o RN. É ilusão quem pensa que ganhar uma eleição é ter tudo. Isso que Robinson está fazendo não é de político medíocre, suas intenções foram as melhores possíveis, ele é um homem do bem, preparado. Ele firmou o compromisso com Amazan e a população de Jardim do Seridó de trazer água para a cidade e trouxe”, enfatizou ao citar também outras obras da região do Seridó, como a reestruturação da RN 118 (que liga Caicó a Jucurutu) e a reforma e ampliação do Hospital do Seridó.


Público terá que pagar para ler o Diário Oficial da União pela manhã

O governo federal resolveu cobrar pelo acesso matutino do público em geral ao Diário Oficial da União (DOU), que hoje é gratuito e pela internet. A gratuidade só ocorrerá a partir do período da tarde. Portaria publicada nesta quinta-feira, 1º de novembro, no próprio documento diz que “o acesso às edições completas do Diário Oficial da União em formato de leitura será gratuito entre 12h e 23h59min, diariamente”.

O ato determina que “serão disponibilizados mediante pagamento do interessado: I – acesso às edições completas do Diário Oficial da União em formato de leitura imediatamente após a publicação no portal da Imprensa Nacional; II – acesso ao conteúdo das edições do Diário Oficial da União em formato aberto imediatamente após a publicação no portal da Imprensa Nacional; III – serviço de seleção e remessa diária de conteúdo publicado no Diário Oficial da União; e IV – acesso a painéis analíticos baseados no conteúdo do Diário Oficial da União.”

Pela portaria, “o acesso ao conteúdo das edições do Diário Oficial da União em formato aberto imediatamente após a publicação no portal da Imprensa Nacional será franqueado aos órgãos de fiscalização e controle da União, mediante solicitação formal ao Diretor-Geral da Imprensa Nacional”.


Governo paga até dia 10 servidores que recebem até R$ 5 mil

Governo do Estado do Rio Grande do Norte informou no início da tarde desta quinta-feira (1º) como procederá com o pagamento da folha do mês de outubro. Segundo a nota, até o dia 10 serão pagos os salários de quem recebe até R$ 5 mil.

De acordo com o Governo, ontem (31) receberam, dentro do mês trabalhado, os servidores da Educação, DETRAN, IPERN, IDEMA, JUCERN, DEI e ARSEP. No próximo dia 07 recebem os servidores da área de segurança: SESED, SEJUC, PC, PM, CBM, ITEP e policiais do GAC e da Vice-Gov (ativos, reformados e pensionistas).

No sábado (10) recebem os servidores ativos da saúde e demais servidores ativos e inativos que ganham até R$ 5 mil. Para a faixa acima de R$ 5 mil, o Governo irá acompanhar as receitas e anunciar em breve a data de pagamento.


Com saída de Moro, juíza Gabriela Hardt assume Lava Jato

Com a saída de Sergio Moro da 13ª Vara Federal de Curitiba, quem deve assumir em um primeiro momento o andamento dos processos da Lava Jato na primeira instância é a juíza substituta Gabriela Hardt. Ela já vinha atuando em situações de ausência do magistrado titular. Foi a juíza que decretou a prisão do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu em maio deste ano.

Além dos casos próprios, a juíza ficará provisoriamente a cargo também de todos os casos sob a responsabilidade de Moro, que não devem ser redistribuídos, permanecendo na 13ª Vara Federal. Sérgio Moro aceitou hoje (1) o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro para assumir o Ministério da Justiça.


Em ministério, astronauta vai comandar 63 universidades federais

Anunciado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro como ministro da Ciência e Tecnologia em seu governo, o astronauta Marcos Pontes vai ter sob seu comando as 63 universidades federais que hoje estão vinculadas ao Ministério da Educação. A transferência da responsabilidade pelas instituições de ensino superior para a pasta foi confirmada pelo vice de Bolsonaro, general Hamilton Mourão.

“Nós estamos muito fracos dentro das nossas universidades em pesquisa e desenvolvimento. Não há um compasso entre o que a universidade muitas vezes faz e as necessidades em pesquisa. É preciso casar com o sistema de pesquisa e tecnologia. Então, a partir daí, você teria uma orientação comum do que a gente realmente necessita. Estamos totalmente defasados e a era do conhecimento necessita de desenvolvimento mais do que nunca”, disse Mourão.


Márcia Maia se diz confiante na gestão de Fátima Bezerra

A deputada estadual Márcia Maia (PSDB) demonstrou confiança na capacidade de gestão da governadora eleita Fátima Bezerra (PT). Ela se pronunciou na sessão plenária desta quinta-feira (1) e pediu que o novo governo tivesse um olhar especial para quatro áreas: segurança, saúde, educação e geração de emprego e renda.

“Essas são áreas que afetam diretamente a população. Por isso, peço que a governadora eleita e sua equipe se debrucem nestas políticas públicas. Tenho certeza que Fátima está preparada e vai se dedicar ao máximo para tirar o Rio Grande do Norte da situação que está hoje”, afirma.

A parlamentar aproveitou para parabenizar Jean-Paul Prates (PT), que assumirá o mandato de senador a partir do próximo ano e também enalteceu o papel do vice de Fátima Bezerra, Antenor Roberto (PCdoB). “Ele é capacitado e tem condições técnicas de ajudar Fátima nessa missão de gerir o RN”, disse Márcia.

Sobre seu mandato que se encerra em janeiro de 2019, ela disse que irá cumprir até o final com a mesma disposição do início. “Até janeiro estarei aqui dialogando, trabalhando com muita honra nesse mandato que a mim foi confiado. Mas quero dizer que mesmo sem mandato, continuarei contribuindo com o Estado”, concluiu.


Governador assina ordem de serviço da Adutora Boqueirão/Jardim do Seridó

Ao lado do Prefeito Amazan, o Governador Robinson Faria assinou, nesta quinta-feira (01), a ordem de serviço que autoriza a construção da Adutora Barragem Boqueirão/Jardim do Seridó, a qual garantirá abastecimento de água para os moradores da cidade. A obra está orçada em R$ 6 milhões.

O deputado Estadual Vivaldo Costa, Prefeito de Santana do Seridó Hudson Pereira, Presidente da Caern Marcelo Toscano, Controlador Geral do Estado, Alexandre Santos de Azevedo, vereadores, secretários municipais e demais auxiliares do Governo estiveram presentes.

Em seu pronunciamento, Robinson Faria ressaltou a importância da obra para Jardim do Seridó e o compromisso assumido do Governo com o Município.

“Estou muito feliz em voltar a Jardim para assinar a ordem de serviço da adutora que vai abastecer a cidade. Estou cumprindo o que prometi antes da eleição,  na inauguração dessa Prefeitura e da Praça que também foram investimentos do nosso governo em parceria com o Município. Mas estou aqui hoje para entregar a maior obra da história de Jardim do Seridó. Fiquem certos que em alguns meses teremos sempre água nas torneiras", disse o governador.

O Prefeito Amazan, agradeceu o Governador a parceria com a administração durante os quatro anos, e a assinatura da Ordem de Serviço dessa importante obra que vai solucionar a situação do abastecimento de água em Jardim do Seridó.


MPF abre investigação sobre caso de criança fantasiada de escravo

Depois do Ministério Público Estadual, o Ministério Público Federal (MPF) também abriu um procedimento para investigar o caso no qual uma mãe vestiu o filho de escravo negro para participar da festa de halloween da escola, localizada em Natal. Diversas denúncias chegaram ao conhecimento do MPF e as informações serão avaliadas para que se decida pela instauração, ou não, de um inquérito.

As fotos da criança fantasiada de escravo negro – maquiada com cicatrizes nas costas e no peito, usando algemas e grilhões – teriam sido publicadas na segunda-feira, 29, pela própria mãe, em uma rede social, com algumas hashtags e a legenda: “Quando seu filho absorve o personagem! Vamos abrasileirar esse negócio!”.

O estatuto da Criança e do Adolescente, em seu artigo 232, prevê como crime “Submeter criança ou adolescente sob sua autoridade, guarda ou vigilância a vexame ou a constrangimento”. Já a Lei 7716/89 tipifica como crime, no artigo 20, “Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”.

O caso está sendo tratado pelo MPF porque a Constituição determina que compete à Justiça Federal processar e julgar os crimes “previstos em tratado ou convenção internacional, quando, iniciada a execução no País, o resultado tenha ou devesse ter ocorrido no estrangeiro, ou reciprocamente”. O fato em análise, por ter sido divulgado na internet, configurou a “transnacionalidade” exigida pela norma constitucional.

O Brasil é signatário da Convenção Internacional sobre a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação Racial, que foi ratificada em 27 de março de 1968. O País também assinou a Convenção sobre Direitos da Criança, ratificada em 14 de setembro de 1990.

O procurador da República Fernando Rocha, coordenador do Núcleo de Combate à Corrupção e outro Ilícitos do MPF no Rio Grande do Norte, destaca que, “sim, a escravidão existiu, não acabou e a sociedade brasileira não pode conviver com a banalização do mal como expressão dominante de uma ideia”.


Secretária indicada por Walter é exonerada da Prefeitura do Natal

O Diário Oficial do Município de Natal desta quarta-feira (31), trouxe a exoneração de mais um nome ligado ao ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), derrotado nas urnas no último domingo, 28, para o Governo do Estado. Desta vez, perdeu a função a então secretária adjunta do Turismo, Marília Dias, indicada para o cargo pelo deputado federal reeleito Walter Alves (MDB), primo de Carlos. Para seu lugar, já foi nomeado Francisco Soares Júnior, que ocupou a titularidade da pasta nos primeiros meses da gestão Micarla de Sousa.

Marília Dias é ex-prefeita de Macaíba e apoiou a candidatura de Carlos Eduardo a governador na cidade. Antes dela, o prefeito Álvaro Dias exonerou a titular da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social, Ilzamar Pereira, ligada diretamente ao ex-prefeito e a ex-primeira dama, Andréa Ramalho.

O clima de insatisfação entre Álvaro Dias e Carlos Eduardo cresceu durante a recente campanha eleitoral. O prefeito de Natal tentou eleger o filho, Adjuto Dias (MDB), para a Assembleia Legislativa. Mas, nos bastidores, a esposa do ex-prefeito atuou para fortalecer a candidatura da vereadora Nina Sousa (PDT) para deputada.

As informações dão conta de que Andréa Ramalho, como porta-voz do marido (Carlos Eduardo), teria mobilizado cargos comissionados das secretarias da Mulher, da Saúde e da Assistência Social para votar e pedir votos para Nina Souza, mesmo com o filho do prefeito sendo candidato ao mesmo cargo.

Adjuto Dias teve 28.697 votos no Rio Grande do Norte, dos quais apenas 7.939 foram em Natal. A votação foi praticamente idêntica à de Nina Souza, que conseguiu 7.379 votos na capital – ela recebeu pouco mais de 21 mil em todo o Estado. Nenhum dos dois venceu o pleito.

Por Agora RN


Mesmo com a crise de chuvas, Caern fica entre as 337 melhores empresas do País

O Anuário da Revista Época Negócios 360°, da Editora Globo posicionou a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) entre as 337 melhores empresas do país. O ranking é feito com a pesquisa das 2000 maiores companhias do país com base na receita líquida.

Para a classificação são analisadas seis dimensões, de empresas de 27 setores, como desempenho financeiro, governança corporativa, inovação, pessoas, sustentabilidade e visão de futuro.

Apenas sete companhias de saneamento estão listadas no anuário, a primeira colocada no segmento foi a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). A única vez que a Caern esteve listada no ranking foi em 2014.

O diretor presidente Marcelo Toscano e a diretora de Empreendimentos, Geny Formiga, participaram, na última quarta-feira,24, da cerimônia de premiação da Revista, em São Paulo.

Pelo sexto ano consecutivo, a Caern também está na lista da Revista Exame – Edição Maiores e Melhores. A edição de agosto de 2018 classifica a Caern na posição 897, registrando um crescimento da receita em 5,5% em relação ao ano anterior.


Prefeitura realiza limpeza no cemitério para o dia de Finados

É comum a Prefeitura Municipal de Jardim do Seridó realizar, periodicamente, através da Secretaria Municipal Obras e Serviços Urbanos, limpeza e manutenção do cemitério municipal.

Com a chegada do feriado de finados, dia 02 de novembro, esse trabalho se intensifica a fim de deixar o local ainda mais limpo e conservado para receber as pessoas da que farão homenagens aos seus entes queridos.

Para isso, nos últimos dias foram realizados serviços de pintura dos muros, revisão da iluminação, limpeza e conservação.


Bancada Federal Potiguar define emendas coletivas para o RN

Os deputados federais e senadores do Rio Grande do Norte se reuniram na tarde desta quarta-feira (31), em Brasília, para definir as emendas coletivas que irão apresentar ao orçamento da União para 2019.

“Acabamos de definir, em reunião da Bancada, as seis emendas coletivas. São elas:

  •         UERN: R$ 20 milhões
  •         Saúde Pública: R$ 30 milhões
  •         Segurança Pública: R$ 40 milhões
  •         Barragem de Oiticica: R$ 50 milhões
  •         Ramal do Apodi: R$ 5 milhões

    
Terminal Turístico da Redinha em Natal: R$ 24,6 milhões”, detalhou o deputado Federal Fábio Faria.

As outras emendas que cada parlamentar do RN poderá indicar individualmente, poderão ser definidas até o dia 8 de novembro.


Fátima quer manter “Governo Cidadão” com Banco Mundial

A governadora eleita do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra (PT), participou na terça (30) e quarta-feira (31) de reuniões na sede do Banco Mundial, em Brasília, para tratar do Projeto Integrado de Desenvolvimento Sustentável do Rio Grande do Norte, o programa “Governo Cidadão”. Acompanhada do suplente de senador, Jean-Paul Prates, que vai assumir o cargo no Senado em seu lugar, ela expressou seu interesse na continuidade e expansão da atual parceria com o Banco Mundial.

“Esse projeto é muito importante para assegurar recursos complementares ao orçamento regular do Estado que viabilizam ações de cidadania e desenvolvimento sustentável. Por isso, quisemos vir, logo nestes primeiros dias após as eleições, garantir a prorrogação dos acordos e metas”, destacou. O projeto “Governo Cidadão” prevê recursos da ordem de R$ 1,3 bilhão para uma série de investimentos e benfeitorias nas áreas de segurança e saúde públicas, educação, gestão do estado, inclusão social, turismo e cultura.