Assembleia Legislativa do RN restringe acesso e suspende audiências públicas por conta do coronavírus

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) decidiu restringir acesso de pessoas aos seus prédios, além de suspender audiências públicas, sessões solenes, homenagens e outros eventos públicos para evitar a propagação novo coronavírus. Servidores que viajarem a países listados entre os que tiveram casos confirmados deverão passar por quarentena de 14 dias.

Segundo o Poder Legislativo, a portaria que trata sobre o tema deverá ser publicada neste sábado (14). Quando o documento estrar em vigor, só terão acesso à sede e demais anexos da Assembleia Legislativa os deputados, servidores, terceirizados e demais prestadores de serviços, além dos profissionais da imprensa, de entidades e órgãos públicos.

“Ficam suspensas a realização de audiências públicas, sessões solenes e demais homenagens e outros eventos coletivos, nas dependências desta Casa, que não tenham relação direta com as atividades legislativas”, aponta o documento que será publicado.